O DESAFIO

Como informar e incentivar a população a destinar parte do seu imposto de renda para entidades assistenciais de Ribeirão Preto?

 

 A SOLUÇÃO

O desafio era grande e o raciocínio comum seria apelar para a emoção. A 6P, porém, inovou. Utilizamos uma linguagem descontraída e bem-humorada com o objetivo de tornar a comunicação mais leve e interessante, ganhando a simpatia do público e procurando ganhar maior repercussão, inclusive em redes sociais, com as pessoas se identificando com as personas que estrelam a campanha.

 

O RACIOCÍNIO CRIATIVO

Desmistificamos os três principais problemas que as pessoas enxergam para fazer a destinação do seu imposto:

1 – “Deve dar muito trabalho.”

Para demonstrar que não, utilizamos a persona do ‘Maior Preguiçoso da Cidade’. Se até ele destinou, por que você não?

2 – “Acho que vou gastar mais.”

Para esse caso, trouxemos a persona do ‘Mão-de-Vaca’. Ele fez a destinação também e comprova que ninguém vai gastar nenhum centavo a mais por isso.

3 – “Talvez caia na malha fina.”

Se o receio é esse, nós combatemos com a persona da ‘Fofoqueira’. Ela fala à vontade de sua destinação, não é segredo nenhum, não faz mal nenhum. Ao contrário, pode até sentir orgulho disso, pela sua ajuda.

Confira:

A iniciativa da campanha é da FEARP, Federação das Entidades Assistenciais de Ribeirão Preto, e contou com o apoio de inúmeras entidades e profissionais como a fotógrafa Lídia Muradás, a participação dos atores Rosana Pavisnky e Léo Santarosa. A Nóbile Outdoors forneceu os pontos e imprimiu as lonas.