OK, o YouTube já faz parte do nosso dia a dia e isso não é nenhuma novidade. Mas já parou pra pensar de onde isso veio? Qual a sua história? E qual o reflexo disso em nossas vidas?

Pra quem não sabe, vamos contar em poucas palavras de onde veio o YouTube: a rede social foi fundada por Chad Hurley, Steve Chen e Jawed Karim, em 2005. O objetivo desses três amigos? era criar uma plataforma onde qualquer pessoa seria capaz de compartilhar seus vídeos, tanto que podemos dizer que YouTube significa “você no tubo” – remetendo à televisão. E no dia 9 de outubro de 2006 foi anunciada a compra do YouTube pelo Google.

“O YouTube oferece um fórum para as pessoas se conectarem, se informarem e inspirarem umas às outras por todo o mundo, bem como atua como plataforma de distribuição para criadores de conteúdo original e anunciantes grandes e pequenos.” Fonte: YouTube.

Confira alguns dados super-relevantes sobre o YouTube:

– Hoje, depois de 12 anos, estamos todos conectados: 93% das pessoas acessam o YouTube pelo menos uma vez por mês;

– Mescla de classes: mais de 90% de penetração nas classes A, B e C;

– Todas as idades: 60% das pessoas acima de 36 anos acessam o YouTube uma vez ou mais por dia. E os jovens não ficam para trás, 95% do público entre 18 e 35 anos acessa a plataforma regularmente;

– Dentre os temas de vídeos preferidos pelos usuários, os mais votados são: música (98,3%), beleza (72%), gastronomia (64%) e jogos (58%);

– De espectadores para consumidores: o público que procura conteúdo no YouTube é 1,4 vezes mais propenso a comprar vs. a população on-line em geral;

– Reflexo na fatura do cartão: 48% dos consumidores de jogos estão planejando comprar equipamentos eletrônicos e 74% dos consumidores de beleza e moda estão propensos a comprar roupas e acessórios.

Mas onde se encontram as marcas nesse bolo todo?

Com todos esses dados em mãos, chagamos a simples conclusão de que: marcas que estão presentes na plataforma saem na frente. Compilamos mais alguns dados que podem te convencer sobre isso:

– 9 em cada 10 usuários escolhem sozinhos o que vão comprar ou participam das decisões de sua casa;

– Cerca de 40% dos usuários se inscrevem no canal de uma marca após assistir um vídeo nos segmentos citados no texto. E aproximadamente 30% realizam uma compra.

Chegou a hora da sua marca se lançar no YouTube, não é mesmo?

Para isso, conte com a 6P 😉

Todos os dados de pesquisa contidas no texto foram retiradas do YouTube Insights.